sexta-feira, 29 de abril de 2011





O que fazer quando a pessoa que te faz sofrer, é a única que pode te fazer feliz?'

quarta-feira, 27 de abril de 2011

you..






Não tem mais bochechas fofas, não é mais a queridinha da vovó, não é mais a princesinha do papai e até o pobre do bicho papão te abandona. Você perde os amigos imaginários, não vive mais cercada de pessoas que sorriem pra ti, que querem te mimar e fazer tuas vontades. Você não pode mais simplesmente chorar pra não ir à escola, não pode mais morder as professoras quando se irrita e nem ser mau educada e dar desculpas de que é muito criança pra entender que certas palavras magoam. Ninguém mais limpa suas lágrimas e te põe pra dormir dando beijinho na testa. Você perde todas as regalias e passa a ser responsável pelo que cativou. Você não brinca mais de boneca, você não tem mais elas pra destruir e pintar cabelos. Todos os seus lápis de cera e brinquedos sumiram e deram lugar a grandes e grossos livros. Você cresce, você ERRA, você APRENDE, você ganha e você PERDE...
 G.M

terça-feira, 26 de abril de 2011





“… Meu amor pode não ser perfeito, mas é inteiro e todo seu.”
(Renata Fagundes)


          Deus,entrego mais um dia em tuas mãos.


“… pois quando um garoto gosta de verdade de uma garota, ela não precisa fazer nenhum esforço para ele querer estar a seu lado.”

(Adriana Mani)





''Você não viu nada, você nem viu o amor. Que idade você tem, vinte? Tem cara de doze.'' 
Caio Fernando Abreu.

... Tati Bernardi :)


      "Mas aí, daqui uns dias.... você vai me ligar. Querendo tomar aquele café de sempre, querendo me esconder como sempre,querendo me amar só enquanto você pode vulgarizar esse amor. Me querendo no escuro. E eu vou topar. Não porque seja uma idiota, não me dê valor ou não tenha nada melhor pra fazer. Apenas porque você me lembra o mistério da vida. Simplesmente porque é assim que a gente faz com a nossa própria existência: não entendemos nada, mas continuamos insistindo."
Tati Bernardi.

 

terça-feira, 19 de abril de 2011

accurate...



  Preciso me acostumar com a companhia a ponto de me tornar inocentemente dependente dela. A reciprocidade deve ser naturalmente recíproca. A espontaneidade precisa atingir nível incalculável o suficiente para se tornar infinita. O passado necessita ter sido completamente revelado, junto com seus pesadelos, sonhos, desejos, insatisfações, segredos, observações, críticas e ironias. Gargalhadas necessitam aparecer constantemente. Não devem existir perguntas sem respostas. Confissões podem ser habituais. Os abraços devem ser feitos com o olhar antes de se tornarem a parte literal da coisa. O presente precisa ser apreciado sem a pressa inconseqüente que impossibilita o conhecimento de quem está diante dos olhos. Precisam existir músicas para lembrar muito mais do que uma única pessoa. Precisam existir músicas para reviver momentos. Momentos livres de cobranças, mas completamente envoltos em expectativa. A curiosidade precisa ter perguntas bonitas, dúvidas intrigantes e mistérios finalmente desvendáveis. Perguntas precisam responder tudo. Alardes não devem ser feitos para ninguém além do espelho. A alegria precisa ser engolida, os desejos precisam ser reprimidos em patamares, a admiração deve estar acima de tudo. O próximo passo só deve ser dado com a coragem enrustida, completamente envolta em descontrole e desejo de ambos os lados. Por “semi-começo”, a precaução surgirá na sua forma pura, querendo proteger o que ninguém mais rouba. A realidade precisa parecer irreal. E como se sabe, tanto componente nessa mistura exige um longo tempo de preparo. Haja disposição. Ops, paixão!

quarta-feira, 13 de abril de 2011

never.


"Os seus defeitos não são nada comparados ao amor que eu sinto por você."


Gabriella Milhomens.

understand?


Tenho medo de me abrir com você e ouvir totalmente o contrário do que eu esperava ouvir. Tenho medo de falar tudo o que eu sinto e a sua reação for: “E daí?”; Medo de que você não se importe, medo de que você ria quando eu virar as costas. Mas o maior medo que eu tenho, é de que você minta pra mim, faça eu acreditar que você me ama e no fim, eu acabar descobrindo que fui uma completa imbecil em ter acreditado nas tuas palavras… De novo..
     Mais tu és tão lindo,que só em te olhar eu já me sinto com coragem..Só que o meu coração grita que não.Ele sabe o que vai acontecer,ele tem medo. E saiba esse medo é o que me mata cada vez mais por dentro,o que vai me destruindo.. Saiba tbm que eu já não aguento mais olhar todo dia pro teu sorriso,pro teu olhar,e não poder correr e dizer que você é meu,não poder te beijar.. e Dói mais ainda,ver você com outra :/ ..
Eu sei que um dia eu vou ter coragem absoluta pra te dizer o que eu sinto.. Porque eu só tenho duas opções,ou eu te esqueço,ou eu te conto tudo.. eu confesso que se for pra viver com essa angústia toda,eu prefiro esquecer.. mais não,eu não quero esquecer,eu quero te contar e sei que vai ter uma hora certa pra isso..
Gabriella Milhomens..

yes.



 
Se você quiser alguém pra ser só seu é só não esquecer que eu estarei aqui.

quinta-feira, 7 de abril de 2011

:( :( :(

Rio de Janeiro, 07 de Abril de 2011.
Muitos acordando para ir à escola, ou ao trabalho e muitos reclamando por isso. De fato parecia um dia normal, era. Mas não seria dali há algumas horas..
Enquanto você estava no transito reclamando pelo o engarrafamento, ou enquanto muitos estavam na escola reclamando de uma aula chata que estava tendo, ou enquando muitos estavam no trabalho reclamando do chefe chato; crianças e adolescentes de um colegio municipal do Rio estavam sofrendo um pessadelo.. Um colegio onde crianças e adolescentes estavam estudando para quem sabe, ter um grande futuro lá na frente, sofre atentado de um atirador que entra na escola e mata 11 crianças e deixa 13 feridas.. Sonhos que foram embora, planos que ficaram pra trás.. Enquanto você está ai chorando por que um menino não te ama, dizendo que quer se matar pq sua vida não faz mais sentido.. Me diz então, a vida dessas mães que perderam parte de si, sim. parte de si. Quando você perde um filho, você perde parte tua, uma ferida é aberta, e jamais cicatrizará. Pense mais nisso. Quando for reclamar que não tem o celular modelo mais novo, pensa que seus pais te deram o que poderam, lembre-se que essas mães nunca mais poderão dar nada para seus filhos, nem se quer um sorriso. Quando você sentir vontade de sumir, de se matar, lembre-se dessas dessas crianças que dariam tudo pra viver de novo e dessas mães que dariam tudo pra ter seus filhos no braço novamente.. Doeu tanto quando eu ouvi uma menina de 12 dizer agoniada na reportagem:
“Ele começou a atirar. Eu me agachei e, quando vi, minha amiga estava atingida. Ele matou minha amiga dentro da minha sala.” (Camila Dias)

only today ..



Hoje eu queria um abraço daqueles que te sufoca de tão apertado e ao mesmo tempo te protege de tudo.

=)



    O amor de verdade não tem despedida,volta pra minha vida ?

yes..



                          Quando o efeito acabar, a dor vai voltar…